Dr. Fernando entrega 403 casas nesta segunda


A Prefeitura de Macaíba e o Banco do Brasil inauguram amanhã, dia 17, o Residencial Campinas. O empreendimento vai beneficiar 403 famílias que nunca tiveram acesso à casa própria.

A solenidade acontece às 10h, na avenida Dr. Enock Garcia.

Além do prefeito Fernando Cunha, participarão o governador Robinson Faria; o presidente do Banco do Brasil, Alexandre Abreu; a senadora Fátima Bezerra; presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira; e diversas autoridades locais.

Fez escola pública e passou em 5 universidades nos EUA


Veja que orgulho!

Uma brasileira, de 18 anos passou em 5 universidades dos Estados Unidos.

O mais interessante é que a baiana Débora Queiroz estudou a vida toda em colégio público!

“Não, não sou superdotada nem nada parecido. Só me esforço!”, escreveu Débora ao SouMaisEu, do UOL.

A jovem estudou no Colégio da Polícia Militar da Bahia.

Conhecer os EUA era o sonho de Débora. Esforçada, ela conta: “Aprendi inglês lendo um dicionário e vendo filmes”.

“Fazer um curso [de inglês] estava fora de cogitação – morávamos de aluguel num bairro pobre de Salvador (é assim até hoje) e o salário de servidor público de papai tinha que sustentar ele, mamãe, eu e meu irmão.

Programa Jovens Embaixadores
Em 2012 ela se inscreveu no programa social Jovens Embaixadores, promovido pelo governo americano.

Ele leva jovens de baixa renda para passar três semanas nos Estados Unidos. “Sem pagar absolutamente nada, você fica duas semanas morando com uma família americana e uma terceira semana num centro estudantil, tendo aulas e trocando experiência com estudantes do mundo todo. É demais!”, comemorou.

Dedicação
Eu sabia que para ser aceita por estas universidades não bastava ter notas acima da média – sempre estive entre as 10 melhores alunas do Colégio da Polícia Militar da Bahia, onde estudei dos 8 aos 18 anos.

Tratei, então, de me dedicar integralmente aos estudos em 2014. Acordava às 5h da matina para o colégio.
Na volta, lá pelas 13h, almoçava e passava mais 6h estudando o conteúdo do dia e adiantando o assunto da próxima aula. Também toquei trabalhos voluntários no colégio e preenchi as partes burocráticas para tentar entrar nas oito universidades americanas às quais me candidatei, sempre em cursos de educação, política internacional e ações sociais.

Outra batalha: dinheiro
Em janeiro deste ano Débora a primeira carta-convite.
“Chorei tanto! Eu poderia, enfim, estudar fora. Mas bastou tirar o lacre do envelope para perceber que meu sonho não estava assim tão perto de se concretizar. A primeira universidade me ofereceu bolsa de 40%. É muito pouco. Afinal, um ano letivo custa 45 mil dólares (cerca de R$ 140 mil). Impossível eu dar conta de pagar!”.

As outras cartas de aprovação foram chegando, todas com 40% de desconto.

“Entrei em desespero! Até que a última carta – da universidade que eu mais quero, a Mount Holyoke – me ofereceu 80% de desconto! Terei que pagar “apenas” 12 mil dólares (cerca de R$ 40 mil) por ano. Ainda é muito dinheiro pra quem ganha R$ 800 mensais como instrutora de inglês”.

Campanha
Para bancar levantar os R$ 40 mil que precisa para estudar a jovem lançou uma campanha on-line no site www.benfeitoria.com/deboranoseua.

Uma é para juntar R$ 20 mil e quitar o primeiro semestre, garantindo minha vaga. “Depois, precisarei de mais R$ 20 mil para bancar o segundo. Se conseguir, terei um ano de estudos pago. Assim posso me candidatar a bolsas dadas por empresas americanas – prática comum por lá – para pagar os próximos três anos”.

Doações
“Já consegui R$ 4 mil na campanha. Faltam R$ 16 mil. As doações são a partir de R$ 15 e podem ser feitas até 11 de julho. Tenho fé que vou conseguir. Assim, aprenderei a usar a educação para transformar a realidade das escolas públicas do Brasil e ajudar jovens pobres a terem um futuro promissor”, conta.

Com informações do SouMaisEu/Uol

Vacina brasileira contra dengue está em última fase de testes


A vacina do Instituto Butatan de São Paulo, contra a dengue, caminha a passos largos e entra na última fase de testes.

A CTNBio aprovou a fase 3 dos testes. Agora faltam apenas as aprovações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep).

Esta é a vacina brasileira contra dengue em fase mais avançada.

A aprovação
Nesta quinta-feira (6), a Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) aprovou o início da fase 3 de estudo clínico da vacina brasileira, que é a última antes de o produto ser submetido à avaliação das agências regulatórias.
Segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, o pedido do Instituto Butantan foi aprovado por unanimidade e foi a primeira vez que a comissão aprovou um organismo geneticamente modificado (OGM) para uso humano.

O desenvolvimento desta vacina é resultado de uma parceria entre o Instituto Butantan e os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH).

A vacina
Ela é feita com os próprios vírus da dengue, que foram modificados para que a pessoa desenvolva anticorpos contra os quatro sorotipos da dengue sem desenvolver os sintomas relacionados a eles.

Os testes clínicos – feitos pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP) e Hospital das Clínicas da Facultade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HC-FMRP-USP) – têm mostrado que bastará uma dose para que a vacina seja eficaz.

Voluntários
Em nota, a assessoria de imprensa do Instituto Butantan afirmou que a terceira e última fase do estudo prevê a vacinação de 17 mil voluntários no período de um ano.

As vacinações devem ser feitas em 15 centros em todo o país em pessoas de 2 a 59 anos.
Durante a fase 2 do estudo, 300 pessoas foram vacinadas.

Com informações do G1

9 anos sem Elino Julião


Uma das maiores expressões da nossa música, também é (no presente, mesmo!) uma das maiores expressões do forró brasileiro.

O seridoense Elino Julião nos deixou um legado musical riquíssimo, autêntico, eclético. Orgulho para todos nós.

Em 2006, foi cantar no andar de cima num 20 de maio como este. O céu ficou em festa.

Cumprimentos à amiga Veneranda, viúva e maior guardiã da obra e memória do mestre.

Salve, Elino Julião!

Conheça mais sobre Elino Julião no
Dicionário Cravo Albin da MPB:
http://www.dicionariompb.com.br/elino-juliao

Macaibenses podem se inscrever no Projovem Urbano até sexta-feira


A Prefeitura de Macaíba está com inscrições abertas para o Projovem Urbano até a próxima sexta-feira, 22.

O objetivo do programa é elevar a escolaridade de jovens com idade entre 18 e 29 anos, que saibam ler e escrever e não tenham concluído o ensino fundamental, visando à conclusão desta etapa, integrada à qualificação profissional.

Os jovens matriculados vão receber uma bolsa-auxílio no valor de R$ 100 durante os 18 meses do curso, condicionado a 75% de presença nas atividades presenciais e a entrega de trabalhos pedagógicos.

As inscrições estão sendo realizadas na Escola Municipal Pinheiro Borges, no Campo da Santa Cruz, das 17h às 20h.

Os interessados devem levar fotocópias do RG, CPF, NIS, comprovante de residência, comprovante de escolaridade e uma foto 3X4.

Prefeito Fernando Cunha empossa Conselho de Cultura nesta quarta-feira


O Conselho Municipal de Política Cultural de Macaíba será empossado pelo prefeito Fernando Cunha nesta quarta-feira, dia 20. A solenidade acontece às 17h no Palácio Auta de Souza.

O Conselho é formado por 24 membros, entre titulares e suplentes, representantes do poder público e da sociedade civil organizada.

Conforme diretrizes estabelecidas pelo Sistema Municipal de Cultura, cabe aos membros do Conselho promover ampla discussão sobre a Política Municipal de Cultura em parceria com os segmentos culturais do Município de Macaíba; além de elaborar e aprovar o regimento interno do Conselho Municipal de Política Cultural.

Governador só renova comodato do Aristófanes Fernandes se associações abrirem o parque à população


O governador Robinson Faria recebeu hoje (18) em seu gabinete os presidentes da Associação Norte-Riograndense de Criadores do RN (Anorc), Antônio Teófilo, e da Associação Norte-Riograndense de Criadores de Ovinos e Caprinos (Ancoc), Alexandre Confessor. O encontro serviu para tratar de apoios em relação ao setor pecuarista e a renovação do contrato de comodato do Parque Aristófanes Fernandes.

Os presidentes das associações pediram ao governador o suporte nos circuitos de exposições do setor e falaram da crise hídrica. O presidente da Anorc também solicitou o apoio do governo para interceder, junto ao Governo Federal, pela dívida rural. Robinson Faria garantiu todo o apoio do Governo do Estado nos pleitos dos pecuaristas.

Sobre a questão do abastecimento de água para o interior, o governador disse que está tomando as providências necessárias. “Estamos trabalhando para resolver esse problema. Hoje mesmo tivemos uma reunião onde criamos o Gabinete de Gestão Integrada de Recursos Hídricos para, dentre outras questões, assegurar o abastecimento no interior do Estado”.

Durante o encontro também foi tratada a questão da renovação do comodato do Parque Aristófanes Fernandes. A Anorc utiliza o Parque desde 1990. O convênio atual, que teve início em agosto de 2008, tem validade até dezembro de 2015.

Em relação à renovação do comodato do Aristófanes Fernandes, Robinson Faria disse que o equipamento tem que ter serventia pública para a sociedade. “Para justificar a renovação do comodato o Parque precisa ser aberto ao público e oferecer atrativos para a população”.

O presidente da Anorc ficou de apresentar ao governador, em 15 dias, um projeto de reestruturação do Parque, para que em seguida a renovação do contrato seja novamente discutida.

Também participaram da reunião o secretário de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca, Haroldo Abuana, e o diretor do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN, Camillo Collier.

Ranger de dentes

por Alex Medeiros

A parceria entre o Governo do Estado e o Ministério Público está provocando ataque de nervos em alguns endereços de bairros chiques de Natal. É o combate a velhos abutres do serviço público nunca antes fiscalizados.
O governador Robinson Faria prometeu na campanha que quebraria paradigmas.

Do Gato Preto: Tem gente com contracheque e lotação que mora em São Paulo e Paris. Não sabem nem para que lado fica o Centro Administrativo do estado. É bom que comecem a preparar as malas.

Ezequiel propõe criação do Programa Estadual de Saúde da Criança


O deputado Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Assembleia Legislativa, propõe a criação do Programa Estadual de Saúde da Criança no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte. A ideia foca em atividades de promoção da alimentação saudável e de atividades físicas, a adoção de um sistema frequente de monitoramento médico e odontológico.

“A fim de garantir o pleno exercício do direito a saúde da criança, revela-se necessário não apenas o tratamento de eventuais doenças que a criança já manifestou, mas sim a realização de amplas campanhas educativas e de exames preventivos para impedir ou detectar precocemente os males que afligem”, frisou Ezequiel Ferreira.

E as ações previstas no Programa serão desenvolvidas também em parceria com a Secretaria Estadual de Educação, atingindo atividades preventivas na rede pública e privada de ensino do Rio Grande do Norte. No cenário dos serviços de atenção a saúde do Estado, as crianças precisam de uma atenção especial, inclusive como medida preventiva de que sejam acometidas por doenças mais graves. O projeto mostra uma preocupação não apenas com medidas curativas, mas também preventivas.