Avião U-100 da FAB é similar ao Phenom 100EV civil da Embrar (Foto: FAB)

Uma aeronave U-100 da Força Aérea Brasileia (FAB) declarou emergência após decolagem da Base Aérea de Natal (Bant), na noite desta terça-feira, 3, o que obrigou um voo de quase uma hora sobre a capital potiguar com objetivo de “queimar combustível” e realizar o retorno em segurança. A manobra foi um sucesso e a aterrissagem ocorreu sem maiores imprevistos.

Logo que decolou, o piloto da aeronave de matrícula FAB 3702 comunicou a torre de controle a emergência, informando ter problemas no sistema do avião, contudo, estava com o U-100 sob controle. Utilizando o indicativo Guará 02, o comandante afirmou que faria a queima de combustível para “respeitar o peso de pouso”, indicando ainda algum problema de navegação e nos instrumentos, já que não quis perder a referência sobre Natal. Após alguns minutos, foi reportado o controle total do voo, permitindo pouso seguro na Bant.

Trajeto feito pelo U-100 FAB 3702 sobre Natall, até o pouso (Reprodução: Fligth Radar 24)

O U-100 é a versão militar do jato Phenom 100, fabricado pela Embraer na Flórida (EUA). A FAB recebeu duas destas aeronaves no ano de 2019 e uma delas era o FAB 3702. Ele opera pela 6º Esquadrão de Transporte Aérea (6º ETA), a partir da Base Aérea de Brasília.

A condução da situação deu certo, resultando em pouso comunicado pelo controle aéreo como sucesso. Aguardar a informação oficial da FAB sobre o ocorrido.

No áudio, é possível ouvir qual a intenção do piloto e a resposta da torre, se precisaria de apoio em solo.