À medida que alguns esportes ganham popularidade, outros deixam de atrair o público. A Olimpíada de 1900, em Paris, foi a que mais experimentou diferentes modalidades. Algumas delas duraram só um ano, enquanto outras sobreviveram por mais algumas edições.

A lista abaixo inclui apenas os esportes que já fizeram parte das Olimpíadas modernas – ou seja, as que acontecem desde 1896. As Olimpíadas da Antiguidade Clássica, que começaram na Grécia em 776 a.C., tinham modalidades ainda mais incomuns, como corrida de bigas e pancrácio. Você confere mais sobre elas nesse texto.

Abaixo, alguns exemplos de modalidades que já estiveram nos Jogos:

Nado submarino

  • Quantas edições durou: 1 (Paris-1900)

Essa é a brincadeira que toda criança já fez na piscina: prender a respiração embaixo d’água e nadar o mais longe possível. Sem levantar a cabeça para respirar. A competição ocorreu no rio Sena em 1900. O vencedor Charles Devendeville nadou 60 metros em um minuto e seis segundos. Segundo registros do Comitê Olímpico Internacional (COI), o esporte não foi para frente por falta de interesse do público.

Cabo de guerra

  • Quantas edições durou: 4 (Paris-1900 até Antuérpia-1920, não houve edição em 1916 devido à 1a Guerra Mundial)

Mais um esporte olímpico no qual o seu eu infantil adoraria competir. A lógica é a mesma: duas equipes de oito atletas puxam lados opostos da corda. Quem deslocasse a equipe contrária por 1,85 metros vencia a competição.

Subida em corda

  • Quantas edições durou: 8 (Paris-1900 até Los Angeles-1932)

Essa é para os crossfiteiros de plantão. Se você aprendeu a subir em cordas depois de fazer uns burpees, poderia competir nas primeiras Olimpíadas. O objetivo da prova era subir uma corda de 10 metros no menor tempo possível. Na Olimpíada de 1932, o menor tempo foi 6,8 segundos. O COI decidiu descartar a modalidade na edição seguinte, devido à baixa adesão de atletas.

Tiro-ao-pombo

  • Quantas edições durou: 1 (Paris-1900)

Luisa Mell, corre aqui! Sim, matar pombos já foi uma competição olímpica. O atirador que acertasse o maior número de animais vencia. Felizmente, a modalidade só durou uma edição. O vencedor foi o belga Leon de Lunden, que matou 21 pombos de um total de 300 animais soltos. As edições de 1908 a 1924 também tiveram competições de tiro-ao-cervo – mas os animais eram de madeira.

Críquete

  • Quantas edições durou: 1 (Paris-1900)

O críquete se parece um pouco com o beisebol – o princípio é acertar a bola com um taco. Nos Jogos de Paris, apenas dois times se inscreveram: França e Inglaterra. Na edição seguinte, o evento de críquete foi cancelado. Esse é um dos jogos que pode retornar às Olimpíadas na edição de Los Angeles, em 2028.

Croquet

  • Quantas edições durou: 1 (Paris-1900)

Apesar do nome semelhante, o croquet é um esporte bem diferente do críquete. Ele utiliza tacos, parecidos com os de golfe, para acertar bolas em pequenos aros fixados ao chão. O croquet foi a primeira competição a ter participação feminina nas Olimpíadas.

Mergulho à distância

  • Quantas edições durou: 1 (Saint Louis-1904)

É tipo um salto à distância, só que na água. O competidor deveria mergulhar na piscina e permanecer imóvel embaixo d’água até sua cabeça chegar à superfície. No único ano em que existiu, a modalidade só teve cinco competidores, todos do New York Athletic Club.

Corrida de lancha

  • Quantas edições durou: 1 (Londres-1908)

Na primeira e única vez que a corrida de lancha apareceu nas Olimpíadas, o clima sabotou o evento. Só uma lancha chegou ao final do percurso devido a forte neblina no dia. Depois da edição de 1908, os Jogos deixaram de ter esportes motorizados.

Volteio

  • Quantas edições durou: 1 (Antuérpia-1920)

Sabe aquelas performances de circo em que os malabaristas se equilibram em cima do cavalo? Esse é o volteio. Ele apareceu na Olimpíada de 1920 como parte do programa equestre. Só três países competiram, e o pódio foi Bélgica (ouro), França (prata) e Suécia (bronze).

Nado sincronizado solo

  • Quantas edições durou: 3 (Los Angeles-1984 até Barcelona-1992)

O nado sincronizado existe até hoje nas Olimpíadas. Na versão que estamos acostumados, um time de oito atletas precisam fazer performances sincronizadas entre si. Mas o que aconteceu em 1984 foi uma competição de nado sincronizado individual. Com quem o atleta deveria sincronizar? Segundo os defensores do esporte, com a música.

Com informações da Super Interessante