O ala Gui Santos, do Minas Tênis Clube e da seleção brasileira, foi escolhido pelo Golden State Warriors na 55ª posição do draft 2022 da NBA, realizado na noite desta quinta-feira, em Nova York. Como a escolha veio na segunda rodada (31ª a 58ª), ainda não há contrato garantido. Mesmo assim, os direitos do jovem jogador pertencem agora aos atuais campeões da maior liga de basquete do mundo.

A tendência é que Gui inicie sua trajetória no basquete dos Estados Unidos pela G-League, a liga de desenvolvimento da NBA. Há ainda a possibilidade de ficar mais um ano no Brasil ou ainda atuar uma temporada em outra liga estrangeira. O jogador não esteve presente no Barclays Center, local do draft, mas comemorou nas redes sociais. Ganhou também as boas-vindas do novo time.

"Estava no quarto já, achei que não ia dar mais. Estava indo dormir, esfriar a cabeça. Aí, meu agente, Aylton, me ligou e disse "vai para sala agora e liga a TV! Conseguimos!". E eu falei "não brinca comigo assim, não". E aconteceu! Eu nem esperava mais… De repente, os Warriors me escolhem! Nem sei o que dizer. É o melhor presente de aniversário que eu já ganhei. Um sonho meu, da minha família, dos meus amigos" afirmou Gui, via assessoria. Ele usará a camisa 10.

É improvável que o jovem ala, de 20 anos - completados nesta quarta-feira -, seja incorporado de imediato ao elenco principal dos Warriors. Gui, no entanto, já teve o gostinho de treinar nas instalações do time de Stephen Curry, Klay Thompson, Draymond Green e companhia recentemente. O Golden State foi uma das dez franquias que receberam o brasileiro para uma atividade antes do draft.

Com informações do GE