A polícia de Portugal deteve três brasileiros e dois portugueses que chegaram a Lisboa em jatinho com 170 kg de cocaína. A mercadoria, avaliada em aproximadamente R$ 40 milhões pelo grau de pureza, foi transportada do Brasil.

Para driblar a fiscalização, os homens estavam disfarçados de executivos. A droga foi encontrada escondida em oito malas

Os brasileiros foram presos e os portugueses aguardarão o processo em casa, de acordo com coordenador da Polícia Judiciária de Portugal, Rui Sousa, em entrevista à emissora pública RTP.

“Estamos em plena cooperação com as autoridades brasileiras e sabemos que uma das pessoas já tinha antecedentes por outros tipos de crimes”, afirmou. Ainda segundo Sousa, os traficantes podem fazer parte de uma organização maior.

Pela primeira vez em operação contra o comércio ilegal de drogas em Portugal, o avião foi apreendido pela polícia. Segundo a imprensa portuguesa, a aeronave tinha registro de sede em Belo Horizonte e foi comprada por 2,5 milhões de reais em em 2017.

A ação fez parte de uma operação chamada White Wing.

Fontes: Veja e G1.