O suspeito de matar um funcionário a facadas foi preso na manhã desta quinta-feira (30) no município potiguar de João Câmara. A vítima foi identificada como Francisco Rogério Dantas, de 45 anos. Os dois teriam se desentendido após uma discussão sobre direitos trabalhistas.

O suspeito, que é dono de uma padaria, foi detido em João Câmara. O mandado de prisão preventiva foi cumprido por policiais civis da 85ª Delegacia de Polícia (DP de João Câmara).

O crime foi cometido com uma faca e ocorreu na manhã da última segunda-feira (27), por volta das 6h, no estabelecimento comercial.

Ainda de acordo Polícia Civil, o empregador não cumpria os direitos trabalhistas: não pagava horas extras, 13°, férias e domingos ou feriados trabalhados. Quando o funcionário chegou na segunda-feira para trabalhar, o suspeito reclamou da falta no domingo e a vítima respondeu que não havia trabalhado porque não recebia; iniciou-se, assim, uma discussão; o empregador saiu do ambiente em que estavam e, segundos depois retornou, armado com uma faca e, sem dizer nada, desferiu um golpe no coração de Francisco.

O mandado de prisão foi expedido pela 2ª Vara da Comarca de João Câmara, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. O suspeito foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Com informações do Portal da 98 FM