O estado de São Paulo vai receber já em outubro 5 milhões de doses da vacina CoronaVac, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com a empresa chinesa Sinovac.

O anúncio foi feito neste domingo por João Doria. "Até dezembro, já teremos 46 milhões de doses da vacina em SP", acrescentou o governador em postagem no Instagram.

Segundo o governador, a previsão é que 46 milhões de doses estejam disponíveis até dezembro. O imunizante ainda depende do fim dos testes e da liberação da Anvisa.