O mau hálito, também chamado de mau hálito, ocorre em aproximadamente 80% dos casos devido a bactérias na própria boca, como resultado do tipo de nutrição tomada e outros fatores. É uma velha preocupação para a humanidade, e há histórias de tratamentos para o problema de pelo menos três mil anos.

Quem entre nós não ficou envergonhado com a escolha da comida? Ou você estava inseguro depois de longas horas de jejum? Quando você pensa sobre isso, vamos descobrir quais alimentos são inimigos do mau hálito e que ajudam a prevenir o mau cheiro.

O que causa mau hálito ou mau hálito?

Existem muitos fatores que causam mau hálito, e estima-se que existam mais de 40 causas diferentes, a mais comum delas é a falta de escovação adequada, falta de saliva, ficar longas horas sem comer, hábitos de vida e alguns alimentos.

Deficiência de hidratação salivar

A permanência prolongada com a boca seca afeta os níveis de minerais encontrados na boca, o que estimula a produção de odores ruins. Vale ressaltar que a saliva é um enxaguante bucal natural, elimina bactérias e ajuda a enxaguar faringeal oral, eliminar restos de alimentos e bactérias, e beber muita água ajuda nesse sentido.

Estar com a língua sapporosa é outro fator que causa mau hálito, um tipo de placa branca de bactérias que se acumula na língua. O problema é o resultado da má escovação ou falta de salivação causada pelo consumo de pouca água. Também pode ocorrer devido ao sono com boca aberta, ronco e uso de desinfetantes à base de álcool e ortodontia.  

Alimentos que causam mau hálito

Alimentos de enxofre: Ao mastigar alimentos que contenham substâncias de enxofre, odores fortes, que permanecem na boca, são liberados na boca, e quando transportados através do sangue após a digestão, quando os maus cheiros são liberados. Os principais alimentos que causam mau hálito são cebola e alho, mas além disso temos azeitonas, repolho, brócolis, ovos e repolho.

Café: Por conter muita cafeína, um estimulante que causa um efeito parecido com o estresse, reduz a produção de saliva deixando a boca mais seca e sem cheiro.

Leite: Aminoácidos de proteínas encontradas em laticínios quando entram em contato com bactérias na boca causam mau hálito. O café doce tradicional é um inimigo formidável porque, além dos aminoácidos proteicos, contêm cafeína que aumenta o efeito ruim na boca.

Peixe: Contém trimetilamina, um composto que causa um forte cheiro de amônia principalmente em peixes enlatados. 

Álcool: Causa boca seca que contribui para mau hálito.

Alimentos amigo do hálito

Alimentos como iogurte natural, maçãs, cravo, gengibre e frutas cítricas são úteis para evitar o problema. 

Cítricos: Estimular a salivação e reduzir a propagação de bactérias na boca, principalmente devido à vitamina C.

Ginger: O chá de gengibre contribui para uma boa digestão, por isso é uma ótima escolha para combater o mau hálito. Outros chás que têm o mesmo efeito são chá de hortelã e canela.

Maçãs: Esta fruta é uma verdadeira "arma" para combater o mau hálito. Sua casca ajuda a remover sujeira na língua. As maçãs estimulam a salivação e equilibram o pH oral, reduzindo a ação de bactérias fedorentas.

Iogurte natural: reduz a quantidade de gás sulfeto e seus efeitos, bem como a quantidade de bactérias.

Esta alergia médica tem sido usada há anos para combater o mau hálito. Os cravos contêm compostos antibacterianos, por isso são eficazes para combater o mau hálito. A melhor maneira de usá-lo é colocar um lobo na boca e mordê-lo.

Existem várias maneiras de evitar o mau cheiro na boca, o mais importante é manter os dentes limpos e comer muita água. Para emergências, quando você sente que o cheiro atingiu, a mastigação pode ajudar a goma sem açúcar.

Com informações do Rede Brasil News