O número de agentes de segurança assassinados no Rio Grande do Norte em 2021, até o momento, já é maior que o registrado em todo o ano de 2020 no Estado. Foram10 homicídios de policiais civis e policiais militares, enquanto que em todo o ano de 2020 ocorreram 5 assassinatos de agentes públicos de segurança. Ou seja, a quantidade dobrou.

Os dados são do Observatório da Violência (Obvio) e da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Coine/Sesed).

Com informações da Tribuna do Norte