O hotel Kauli Seadi, que fica na badalada praia de São Miguel do Gostoso, sofreu um arrastão na madrugada desta segunda-feira (11). Os hóspedes passaram por momentos de terror. Entre as vítimas está o médico Esaú Magalhães, que detalhou o que aconteceu durante a ação dos bandidos. 

Em um post feito nas redes sociais, o médico afirmou que “dos 10 chalés 6 foram assaltados”. Ele relatou ainda que os criminosos colocaram “armas na cabeça de crianças e adolescentes” e “fizeram uma limpeza geral”.

Ainda de acordo com o médico, hóspedes foram feitos reféns e carros também foram levados. Os bandidos batiam na porta dos chalés e, quando eram atendidos, anunciavam o assalto e roubaram o que viam pela frente.

O chalé onde ele estava foi o primeiro a ser abordado, mas, segundo ele, os bandidos bateram muito na porta, mas ele não abriu. “Achei que era uma abordagem inadequada para a hora, principalmente em um hotel”, disse. 

“Escapei fedendo. Meu filho que estava na rua, e deixou o chalé aberto e levaram muita coisa dele”, contou.

A cidade onde aconteceu o arrastão é a mesma onde a governadora Fátima Bezerra (PT) foi passar o feriadão.