O ex-jogador de futebol e comentarista Walter Casagrande Jr publicou, no domingo (21), uma carta direcionada a esportistas brasileiros. No texto, que foi ao ar em seu blog no Globo Esporte, ele criticou posicionamentos da ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel, apoiadora do presidente Jair Bolsonaro.

Casagrande afirmou que a ex-atleta é “defensora dos violentos, dos antidemocráticos, das armas e de tudo que é ruim em nossa sociedade”.

“Na verdade, quero pedir desculpas por ter posto no meio de vocês, e por muito tempo, uma pessoa intragável, prepotente, arrogante, defensora de armas, que se disfarçou de jogadora de vôlei, capaz de defender até esse infame deputado preso por ser violento e golpista”, disse em referência ao deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), preso por  ataques a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

O comentarista dissse também que Ana Paula “enquanto jogou, nunca abriu a boca para nada, jamais mostrou ter personalidade para falar de política, calou diante da evidente corrupção no esporte que praticava”. Agora, segundo Casagrande, a ex-jogadora utiliza as redes sociais para “espalhar fake news, assim como o seu ídolo [Jair Bolsonaro], para difundir mentiras e defender pessoas que não têm a mínima condição de viver em sociedade democrática”.

“Triste, muito triste, mas, enfim, acontece em todas as atividades. Preparem-se para a Olimpíada e esqueçam que dentro do esporte existiu criatura como essa”, afirmpi. “Ana Paula Henkel, defensora dos violentos, dos antidemocráticos, das armas e de tudo que é ruim em nossa sociedade.”

Ainda no domingo (21), via Twitter, Ana Paula pediu a Casagrande para que olhe “para sua vida e para um espelho” e para que a esqueça.

“Prezado Casagrande, olhe para a sua vida e para um espelho. Eu sou o menor dos seus problemas, acredite. Tente me esquecer. Arrume o seu quarto primeiro, que há muitos anos está uma verdadeira bagunça, antes de querer ‘consertar’ o mundo”, afirmou.

Ao responder um comentário do jornalista Silvio Navarro, Ana Paula postou imagens de notícias sobre Casagrande e seus tweets. Uma notícia diz que Casagrande pede cautela a atletas que apoiam políticos. No Twitter, o comentarista apoia “o legítimo direito de se expressar politicamente” da jogadora de vôlei de praia Carol Solberg, que gritou “Fora, Bolsonaro”, no final de uma entrevista em 2020.

Fonte: Poder360