O prefeito de Araraquara (SP), Edinho Silva (PT), está na coordenação da comunicação de campanha de Lula. Ele teve o indiciamento pedido na CPI que apurou denúncias de fraude na compra 300 respiradores pelo Consórcio Nordeste da empresa HempCare, que vende produtos à base de maconha e nunca entregou nenhum aparelho.

O contrato foi fechado com o governo de Rui Costa (PT), na Bahia, também investigado pela Polícia Federal, com R$48 milhões pagos antecipadamente. 

Edinho preseidiu o PT-SP quando o irmão do ex-senador Eduardo Suplicy era sócio de Luiz Henrique Ramos Jovino. dono da HempCare. O petista já foi alvo da Polícia Federal na Operação Capitu, braço da Lava Jato. 

Edinho Silva e o deputado federal Rui Falcão entram na campanha no lugar de Franklin Martins, que não conseguiu fazer Lula decolar nas redes sociais,

Com informações de O Diário do Poder