Confira a nota abaixo, na íntegra.

Nota de repúdio

A Federação Norte-Rio-Grandense de Futebol vem a público externar seu mais profundo repúdio em relação aos atos praticados por marginais travestidos de torcedores, que invadiram o hotel no qual a delegação do Campinense Clube estava hospedada, após a partida – que transcorreu dentro da mais absoluta normalidade – contra o América, na noite de ontem, agredindo seus atletas e depredando o local, além do ônibus da delegação paraibana.

É lamentável que pessoas assim ainda façam parte do universo do futebol, cometendo atos criminosos, manchando o nome de instituições centenárias e do próprio esporte.

A FNF informa que já manteve contato com o Ministério Público e irá formalizar requerimento para que todas medidas necessárias sejam adotadas para que os autores de tais atos sejam identificados e exemplarmente punidos, de forma dura e efetiva, dentro do que estabelece a legislação penal e o Estatuto do Torcedor.

Por fim, nos solidarizamos com todos que fazem o Campinense Clube e pedimos desculpas, em nome dos torcedores de bem do Rio Grande do Norte, que são a imensa maioria e que também repudiam atos covardes e criminosos como os praticados por essa minoria de vândalos infiltrados em meio as torcidas.

Federação Norte-Rio-Grandense de Futebol