O ministro das Comunicações, Fábio Faria, partiu em defesa do presidente Jair Bolsonaro após a repercussão da fala da governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, em uma manifestação encaminhada ao STF, quando ela afirma na peça que o presidente tem “desvio mental e de caráter”.

A governadora do RN criticou a ação judicial do presidente Jair Bolsonaro contra medidas restritivas adotadas para frear a pandemia do novo coronavírus. Na manifestação ao STF, ela diz que posições apresentadas pelo presidente são “fruto do desvio mental e de caráter” de Bolsonaro.

“Independente de ideologia política, olhem como a governadora do RN trata um presidente. Ainda mais um PR que vem atendendo o estado do RN em muitas demandas além do requisitado. Lamentável e vergonhoso o posicionamento da governadora do PT. E a gente achando q ela ia "despiorar", escreveu o ministro em uma rede social.

Em suas redes sociais nesta quarta-feira (9), a governadora afirmou que pediu para a Procuradoria-Geral do Estado substituir “imediatamente” a petição protocolada no Supremo Tribunal Federal (STF).