O Governo do Estado informou ao Fórum Estadual de Servidores, durante reunião na última quarta-feira (30), que não tem previsão para obter a antecipação dos royalties do Petróleo. A negociação aberta com o Banco do Brasil não avançou e a governadora Fátima Bezerra (PT) já mandou avisar a instituição que abrirá conversa com outros bancos privados.

 

Além disso, o governo também admitiu que não tem previsão para a entrada de recursos oriundos da venda da conta única do Estado. As duas medidas são consideradas fundamentais para amenizar a crise financeira do Estado e, consequentemente, reduzir a dívida com os servidores do estado. Fátima já se comprometeu a destinar todo o recurso extra que o Governo conquistar apenas para quitar os salários atrasados do funcionalismo público.

 

Na foto acima, registro do último encontro da governadora Fátima Bezerra com o novo Superintendente do Banco do Brasil no Rio Grande do Norte, Antônio Carlos Servo. Parece que a época de sorrir passou.