Gilberto Kassab, presidente do PSD, confirmou neste sábado que Rodrigo Pacheco (foto) será candidato do partido para a corrida presidencial no ano que vem.

O Rodrigo mostrou que ele tem talento e sabedoria para a vida pública, se Deus quiser ele é o próximo presidente do Brasil. O PSD está pronto para abraçar suas propostas”, afirmou Kassab durante evento da legenda no Rio de Janeiro.

Kassab disse que o presidente do Senado só não será o nome do partido na disputa “se não quiser”.

Pacheco deixou o DEM para se filiar ao PSD