A pastora e cantora gospel Ludmila Ferber morreu na noite de ontem, aos 56 anos. A informação foi confirmada por amigos nas redes sociais.

No início de 2018, ela anunciou que havia sido diagnosticada com câncer de pulmão: "Essa é a hora de profetizar profundamente as canções que abençoa a tantos por todos esses anos", escreveu no Instagram ao fazer sua primeira sessão de quimioterapia.

Fernanda Brum, amiga de Ludmila e também cantora gospel, lamentou a perda nas redes sociais: "Mila, minha amiga, meu coração… Você foi, você é, nossa amizade, seu ministério… São tantas histórias e lembranças que não cabem num post, numa foto. Temos uma vida e um legado. Eu amo você, o que você deixou de aprendizado".

"Aprendi muito com ela, minha amiga, minha Mila, descanse em paz com nosso Deus, amigo e salvador. Nos encontraremos na eternidade e ela verá os frutos de tudo que plantou! Amor e lágrimas, gratidão… até breve e não adeus."

A pastora e cantora gospel Cassiane também fez uma homenagem para a amiga: "Receber essa notícia… foi de doer o coração! Não fomos feitos para separação… Por isso a dor!"

"O coração chora… Mas, dia 26/01 é o dia que ela pôde dizer: Combati o bom combate… Acabei a carreira e Guardei a Fé!"

Fonte: Uol