Em seu Twitter oficial, o Partido Novo anunciou que João Amoêdo “repensou e declinou do convite” feito pela sigla para que ele fosse pré-candidato a presidente da República em 2022.

A informação do tuíte foi confirmada a O Antagonista nesta quinta (10) à noite pela assessoria de imprensa do Diretório Nacional do Novo.

“Seguiremos trabalhando na construção de uma alternativa ao bolsopetismo para 2022.  Agradecemos todo o inestimável esforço de João Amoêdo, que se dedica há mais de uma década para a construção e consolidação do Novo. Obrigado, João”, conclui a nota da legenda.

O fundador do Novo havia aceitado ser o pré-candidato do partido menos de dez dias atrás, em 1º de junho. Dias depois, uma ala da sigla declarou apoio à pré-candidatura do deputado Tiago Mitraud.