O colesterol alto é uma condição de saúde que pode causar uma infinidade de problemas que vão desde o inchaço do abdômen até o depósito de gordura no fígado, além de complicações cardíacas e acidentes vasculares cerebrais (AVCs).

Para baixar o colesterol, é importante dar preferência a alimentos ricos em ômega 3, ômega 6 e fibras. Entram nessa lista fontes de “gordura boa”, como azeite, azeitona, abacate e nozes.

Também é importante excluir ingredientes com gorduras nocivas ao corpo, como as que estão presentes em alimentos industrializados e processados. Uma boa estratégia é observar no rótulo dos alimentos a quantidade de gordura para avaliar se é saudável ingeri-los ou não.

Além de prevenir outras doenças, manter níveis saudáveis de colesterol garante o bom funcionamento do sistema hormonal. É importante frisar, contudo, que os alimentos devem ser utilizados como uma forma complementar do tratamento indicado pelo médico.

O colesterol é uma substância gordurosa, esbranquiçada e sem odor, que não pode ser visto nem percebido no sabor dos alimentos. Os principais tipos de colesterol são o colesterol bom (HDL), que deve estar acima de 60 mg/dL no sangue, e o colesterol ruim (LDL), que deve estar abaixo de 130 mg/dL.

Receitas para baixar o colesterol

1. Creme de abacate
O creme de abacate é rico em gorduras saudáveis e antioxidantes, o que ajuda a reduzir o colesterol ruim.

Para fazer esse creme, basta bater no liquidificador um abacate maduro com 100 ml de leite desnatado e adoçar a gosto.

2. Panqueca de berinjela com linhaça
A berinjela tem propriedades funcionais que ajudam a equilibrar o colesterol e os triglicerídeos, já a semente de linhaça é rica em ômegas 3 e 6 e também cria uma goma no estômago prolongando o efeito de saciedade, o que ajuda no processo de emagrecimento.

Para fazer a massa da panqueca, basta bater no liquidificador um copo de leite desnatado, um copo de farinha de trigo integral, um ovo, 1/4 de um copo de azeite, sal e orégano. Em seguida, para o recheio, deve-se refogar uma berinjela e um pouco de peito de frango desfiado e temperar como desejar. Outra opção é fatiar a berinjela e assar com temperos como alho fresco, sal, cebola, limão e curry.

3. Salada de alface com cenoura e limão
A salada contribui para redução do colesterol porque tem baixo teor de gordura. Para isso, deve-se colocar em um recipiente alface picada, cenoura crua ralada, cebola em rodelas e temperar com um limão espremido e alguns dentes de alho frescos.

4. Soja verde refogada
A soja verde em vagem contém isoflavonas, substâncias que auxiliam na redução do colesterol. Ela também é pobre em gorduras e tem qualidades proteicas muito parecidas com as da carne, com a vantagem de não conter colesterol, superando em qualidade todas as outras proteínas vegetais.

Para fazer a soja verde refogada é indicado cozinhá-la em água e, depois que estiver macia, temperá-la com molho de soja, vinagre e gengibre em pó.

5. Arroz integral com cenoura
O prato é rico em fibras que favorecem a eliminação de moléculas de gordura pelas fezes, além de vitaminas do complexo B, minerais como zinco, selênio, cobre e manganês, assim como fitoquímicos com ação antioxidante. A camada externa do arroz integral possui oryzanol, uma substância conhecida por prevenir e controlar doenças cardiovasculares.

Para fazer o arroz integral com cenoura, basta refogar o arroz com alho, cebola e sal e depois adicionar água e cenoura ralada.

Fonte: Metrópoles