Há exatos dez anos copletados ontem (20), o ABC escrevia de vez o seu nome na história do futebol nacional e conquistava o maior título de sua existência e do futebol potiguar. No dia 20 de novembro de 2010, o ABC sagrava-se campeão brasileiro da Série C 2010. Até hoje, a única conquista nacional do futebol do Rio Grande do Norte.

A grande decisão aconteceu em uma tarde/noite de sábado, no estádio Frasqueirão. O Clube do Povo, que havia vencido o primeiro jogo da decisão da competição por 1 a 0, em Uberlândia (MG), gol de Cascata, enfrentava o Ituiutaba/MG pelo confronto de volta da final. Após dominar praticamente toda a partida, obrigando o goleiro adversário a praticar verdadeiros milagres, além de algumas bolas na trave, acabou empatando em 0 a 0 e ficando com o título.

Festa no gramado e nas arquibancadas do Frasqueirão. O ABC era campeão brasileiro de futebol e estava de volta a Série B.

Confira a ficha técnica do jogo:

Ficha Técnica

ABC 0 x 0 Ituiutaba/MG
Campeonato Brasileiro – Série C 2010
Data: 20/11/2012 – Sábado
Horário: 16h (horário local)
Local: Estádio Frasqueirão
Público: 16.785 torcedores
Renda: R$ 369.890,00

Arbitragem:
Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES)
Assistentes: Arnaldo Rodrigues de Sousa (CE) e Thiago Gomes Brígido (CE)

ABC: Wellington, Suéliton, Thiago Garça, Leonardo e Renatinho Potiguar, Basílio, Ricardo Oliveira (Éverton Cézar), Pio e Jackson (Claudemir), Cascata (João Paulo) e Leandrão. Técnico: Leandro Campos

Ituiutaba/MG: Luiz Henrique, Totonho, Ferron, Cleber Carioca e Stanley (Cláudio), Olívio, Claudinei, Dé (Vitor Rossini) e Ualisson, Gilsinho (Perí) e Fabiano.
Técnico: Nedo Xavier