Expulso do PSL após desavenças com o presidente Jair Bolsonaro, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) será o primeiro parlamentar a falar na CPI Mista das Fake News.

O depoimento está marcado para quarta-feira (30), às 13h. A data foi confirmada pelo presidente da CPMI, senador Angelo Coronel (PSD-BA).

O convite a Frota foi feito pela deputada Luizianne Lins (PT-CE). Segundo ela, o colega se destacou no ativismo político digital pelo comportamento “polêmico”, com disposição para debater as condutas dos atores políticos nas redes sociais. Além disso, para Luizianne, Frota demonstra ser “conhecedor” dos bastidores da produção de conteúdo político para a internet, de modo que os seus relatos são valiosos para o trabalho da comissão.

Alexandre Frota foi eleito em 2018 para o seu primeiro mandato como deputado federal. Inicialmente filiado ao PSL, o parlamentar foi expulso do partido em agosto por fazer críticas ao presidente da República, Jair Bolsonaro. Dias depois, filiou-se ao PSDB.