Governo de Israel diz que fala de Lula é “vergonhosa” e convoca embaixador

18 de Fevereiro 2024 - 15h46
Créditos: Reprodução


O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, disse neste domingo (18) que a comparação feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre a guerra entre Israel e Hamas e o nazismo é “vergonhosa”. 

Netanyahu afirmou ainda que vai convocar o embaixador brasileiro no país para uma “dura conversa de repreensão” na segunda-feira (19).

Lula comparou nesta manhã a operação militar de Israel na Faixa de Gaza com o extermínio de judeus realizado por Adolf Hitler durante a Segunda Guerra Mundial.

Segundo o primeiro-ministro israelense, Lula “cruzou uma linha vermelha”. O líder político afirmou que Israel vai continuar lutando pela sua existência e a “garantia do seu futuro”.

“As palavras do presidente do Brasil são vergonhosas e graves. Trata-se de banalizar o Holocausto e de tentar prejudicar o povo judeu e o direito de Israel se defender”, disse Netanyahu.

Com informações de Poder 360

Leia mais: VÍDEO: Lula compara ação de Israel em Gaza à de Hitler contra judeus

Notícias relacionadas

Últimas notícias