Em comunicado assinado pelo diretor da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, a entidade afirmou neste sábado que a pandemia de Covid-19 será provavelmente “muito longa”.

Disse ainda que a pandemia “continua a constituir uma emergência de saúde pública de interesse internacional”.

Na última sexta, a OMS registrou recorde de casos da doença no mundo, com 292.527 novas infecções em 24 horas.

 

Estados Unidos, Brasil, Índia e África do Sul continuam a liderar o número de contágios pelo novo coronavírus.