Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 e a baixa procura por leitos críticos nos hospitais públicos do Rio Grande do Norte, o Estado já começa a pensar nos eventos na área agropecuária, a exemplo da tradicional Festa do Boi. De acordo com o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca do Rio Grande do Norte, Guilherme Saldanha, já há conversas que visam a retomada dos eventos.

“Eu acho que dá pra fazer alguma coisa no segundo semestre, a Festa do Boi é em outubro, de repente a gente prorroga mais um mês pra tentar fazer em novembro, a gente ganha mais um mês de segurança”, sugeriu o secretário em entrevista à 91.9 FM nesta quarta-feira (21).

Guilherme Saldanha afirmou que já teve conversas nesse sentido com o presidente da Associação Norteriograndense de Criadores (Anorc), Marcelo Passos e com o presidente da Federação da Agricultura, Pecuária e Pesca do RN (Faern), José Álvares Vieira.

O secretário adianta, no entanto, que uma possível realização da Festa do Boi ainda nesse ano seria muito mais voltada para negócios do setor agropecuário do que para lazer.

O auxiliar da governadora Fátima Bezerra citou ainda a Feira Nacional do Camarão (Fenacam) como um evento possível de ser realizado ainda em 2021. “Mas que a gente faça algo com muita segurança e se os números da covid permitirem, que nos deixe fazer isso, obviamente, dentro dos critérios. Mas estou animado”, declarou o secretário.

Assista abaixo à entrevista completa: